mne

O Governo português lamenta profundamente a morte de treze militares franceses, no decurso de uma operação de combate contra elementos jihadistas levada a cabo no dia 25 de novembro, na região de Liptako, no norte do Mali.

O acidente resultou de uma colisão acidental entre dois helicópteros da força militar francesa presente no país.

O Governo português expressa as suas mais profundas condolências às famílias dos soldados e reitera a sua total solidariedade para com a França, sublinhando a importância do seu contributo no combate ao terrorismo na região do Sahel.

Portugal reafirma o seu compromisso com a estabilização do Mali e da região, designadamente no quadro multilateral e em estreita coordenação com os parceiros internacionais.

Lisboa, 27 de novembro de 2019

  • Partilhe